-

Christina Hodson e Oren Uziel vão escrever Velocidade Furiosa 11

Diogo Fernandes, 24 de abril de 2023 19:57

 

Christina Hodson (Bumblebee) e Oren Uziel (Agentes Universitários) vão co-escrever o próximo filme Velocidade Furiosa com o realizador de Velocidade Furiosa X, Louis Leterrier, a regressar para realizar.

Recentemente foi divulgado que Leterrier (Mestres da Ilusão) iria dirigir o próximo filme de Velocidade Furiosa, que serve como um filme companheiro de Velocidade Furiosa X, que vai estrear no dia 18 de maio. O 11º filme da franquia estrelada por Vin Diesel marcará a primeira colaboração oficial de Hodson e Uziel.

Embora a notícia da equipa possa ser uma surpresa para alguns, os dois criativos muito procurados são amigos e partilham um espaço de escritório, o que tornou a decisão de trabalhar juntos praticamente inevitável.

Hodson é uma escritora e produtora britânica, baseada em Los Angeles, mais conhecida por escrever o prequela de Transformers de 2018 da Paramount Bumblebee (que foi um sucesso crítico e comercial, arrecadando quase $468 milhões em todo o mundo) e escrever e co-produzir Birds of Prey (E a Fantabulástica Emancipação de uma Harley Quinn) de 2020 para a Warner Bros. e DC Comics. O seu próximo projeto é o muito aguardado filme The Flash, também para a Warner Bros. e a DC Comics. Hodson é representada pela CAA e pela Kaplan/Perrone Entertainment.

Da mesma forma, Uziel experimentou grande sucesso ao escrever o argumento de The Lost City de 2022, que contou com Sandra Bulloock, Channing Tatum e Daniel Radcliffe e arrecadou $192 milhões para a Paramount. Atualmente, ele é o showrunner da série de televisão Spider-Man Noir da Amazon e da Sony TV.

No início da sua carreira, Uziel escreveu Agentes Universitários e Freaks of Nature da Sony. O seu argumento especulativo The God Particle foi comprado pela Paramount e pela Bad Robot, que depois estreou na Netflix como The Cloverfield Paradox.

Começando com Velocidade Furiosa de 2001, os filmes arrecadaram mais de $6 mil milhões nas bilheteiras de todo o mundo - representando a saga mais rentável e duradoura da Universal (liderada pela presidente do grupo de entretenimento cinematográfico Donna Langley).

Os filmes de sucesso também se expandiram para uma infinidade de outras ofertas, incluindo uma série animada e a franquia de filmes spinoff, Hobbs & Shaw.

Hodson é representada pela CAA e pela Kaplan/Perrone Entertainment; Uziel é representado pela Curate e pela Myman Greenspan Fox Rosenberg Mobasser Younger & Light LLP.