critica-as-rainhas-do-desconto-um-filme-que-vale-cada-minuto

Crítica, As Rainhas do Desconto, um filme que vale cada minuto

Diogo Fernandes, 21 de outubro de 2021 23:20

As Rainhas do Desconto é um filme baseado em eventos reais que nos deixa com uma grande mensagem, "quem é que realmente decide o que é errado?".

Protagonizado por Kristen Bell, Kirby Howell-Baptiste, Paul Walter Hauser e Vince Vaughn, este filme "dá-nos a conhecer a entediada e frustrada, Connie, uma dona de casa suburbana, e a sua melhor amiga JoJo, uma vlogger ambiciosa. Juntas acabam a transformar um passatempo num golpe multimilionário que envolve a falsificação de cupões. Após enviarem uma carta reclamação devido a uma caixa de cereais estragada e receberem um pedido de desculpas com dezenas de brindes, a dupla trama um esquema que envolve um clube de cupões ilegal que passa a extorquir milhões a grandes empresas enquanto oferece um negócio irresistível a legiões de consumidores. É então que o infeliz agente de prevenção de perdas de uma cadeia local de supermercados une esforços com um inspetor dos correios determinado a perseguir estas novas patroas do crime de colarinho rosa."

Vamos à critica de As Rainhas do Desconto

Este filme estreou no final de agosto, mas apenas agora tive a oportunidade de o ver. Baseado em factos reais, As Rainhas do Desconto é um filme que acaba por surpreender pela produção e história emocionante em que somos envolvidos.

A escolha do elenco foi sem dúvida um ponto muito positivo, já que na minha opinião todas as escolhas profissionais conseguiram encaixar-se de forma perfeita no seu papel. Talvez a única atriz que alterava seria a mãe de JoJo, interpretada por Greta Oglesby.

Falando das protagonistas, Connie Janikowski (Kristen Bell) é uma rapariga sempre com um sorriso na cara, e que tenta sempre ver o lado positivo das coisas. Há ainda uma característica que se destaca mais que todas, a sua capacidade de resiliência, com uma persistência que não a deixa desistir de nada.

A sua amiga, JoJo (Kirby Howell-Baptiste) é uma rapariga extrovertida com uma personalidade imparável. Com uma personalidade ligeiramente semelhante, esta também tem uma energia que parece nunca acabar.

O que une estas amigas é o seu gosto enorme por cupões, e que as faz não passar uma oportunidade para poupar. O esquema que as nossas protagonistas arranjam é fácil de perceber. Desviar cupões que oferecem produtos grátis da fábrica onde são produzidos, e vendê-los a preços bastante apetecíveis.

A sua inexperiência é demonstrada ao longo de todo o filme, e se não fosse a "hacker" que estas arranjam, provavelmente teriam sido ainda mais facilmente apanhadas. Este teria sido um esquema perfeito, se estas tivessem feito tudo de forma totalmente digital.

A imagem que é passada, é que na mente de Connie Janikowski, nada do que elas faziam era ilegal, sendo que apenas estavam a ajudar as pessoas que realmente precisavam. É de certa forma impressionante a ignorância com que ela agia, e que acredito que tenha sido daqueles pontos de personalidade que foi baseado no caso real. Este ponto deixou-me bastante a pensar, no sentido de "quem é que decide o que é errado?". Ela de facto estava a tirar lucro às grandes empresas. Mas um facto, é que ela nunca prejudicou diretamente a vida de ninguém, e mais, ela certamente que ajudou muitas pessoas em necessidades.

Caso me perguntei pela história real que originou o filme As Rainhas do Desconto, digo já aqui que não a encontrei. No entanto, pelo final podemos perceber quea as grandes empresas também não têm interesse para a história real venha a público. Mesmo com este filme a dar bastante exposição ao caso, acredito que a maior parte da história tenha sido alterada em prol de um bom drama que cative o espetador.

Outro ponto do filme que nos deixa a pensar está numa das últimas frases que Connie diz "Não importa como chegar à meta, desde que lá chegues". Esta linha de pensamento vai muito de encontro à sua personalidade, no sentido que se é para fazer algo, é para dar o nosso melhor e é para ir até ao fim!

Acho que este é um ótimo lema de vida, e que me faz pensar que até eu próprio sou um pouco assim, já que quando faço algo na minha vida, faço questão de levar isso até ao final, sempre a dar o meu melhor.

As Rainhas do Desconto é assim um filme cativante e leve de se ver, que recomendo para uma noite de cinema em família.


Não te esqueças de deixares um gosto nas nossas páginas das redes sociais e ficar a par de todas as novidades em primeira mão. Estamos presentes no Facebook , Instagram , e ainda no Google Notícias.

Cinema Crítica

Entra na tua conta para poderes comentar e ganhar pontos, Clica aqui.