-

FNAF: Porque é que William Afton começou a matar?

Diogo Fernandes, 2 de novembro de 2023 10:40
FNAF: Porque é que William Afton começou a matar?

No filme de terror Five Nights at Freddy O Filme da Universal Pictures, William Afton é o sequestrador e assassino em série que raptou e assassinou o irmão de Mike Schmidt, Garrett, e mais cinco crianças. Quando as crianças possuíram as mascotes animatrónicas na sua pizzaria Freddy Fazbear's Pizza, ele começou a usá-las como armas de assassinato. Ele libertou as mascotes contra qualquer pessoa que entrasse na pizzaria para matá-las. Nem mesmo a própria filha de Afton, Vanessa, consegue escapar da sua fúria assassina, o que mostra o quão homicida ele é.

Mas por que exatamente ele começou a matar? Qual é o motivo do assassino em série? Vamos partilhar nossas teorias sobre isso!

A Personificação do Mal

As vítimas conhecidas de William Afton incluem o irmão de Mike, Garrett, e mais cinco crianças, lideradas pelo menino de cabelos loiros, em 'Five Nights at Freddy's'. No entanto, na série de jogos de vídeo com o mesmo nome, co-escrita pelo argumentista Scott Cawthon, ele matou várias outras pessoas além dessas seis crianças. Embora o motivo de Afton não seja explicitamente revelado nem no filme, nem na série de jogos, vários pontos da trama nos ajudam a teorizar sobre o mesmo. Uma das suas primeiras vítimas é Charlotte Emily, filha de Henry Emily, antigo sócio de negócios de Afton e co-fundador da Fazbear Entertainment. Afton deve ter matado Charlotte, também conhecida como Charlie, para fazer Henry sofrer.

Afton é uma personificação do mal. Portanto, não é surpreendente que ele pudesse ter inveja de Henry, já que este levava uma vida agradável e feliz com a sua filha Charlie. A falta de felicidade e contentamento na sua vida deve ter levado Afton a pôr fim à alegria que Henry tinha em matar a sua filha. De acordo com uma teoria dos fãs, William pode ter levado o corpo de Charlie para a pizzaria, apenas para o seu espírito possuir o Boneco. A "reencarnação" de Charlie pode tê-lo motivado a mergulhar no mesmo com a ajuda de certas experiências.

As Experiências Mortais

Uma das teorias dos fãs populares sobre o motivo de William como assassino em série diz respeito ao seu desejo de alcançar a imortalidade. Após testemunhar o regresso à vida de Charlie como Boneco, ele deve ter querido ter a certeza de que não era um acontecimento isolado. Se este fosse realmente o caso, William matou as crianças para descobrir se elas voltariam à vida como animatrónicos possuídos. As suas experiências resultaram em Gabriel, Jeremy, Susie, Fritz e Cassidy possuindo Freddy, Bonnie, Chica, Foxy e Golden Freddy, respetivamente. A sua reencarnação deve tê-lo convencido de que a imortalidade não é um desejo inatingível.

Afton também derreteu os endoesqueletos das suas vítimas para criar um líquido especial, que, aos seus olhos, pode conceder a imortalidade. Ele até criou animatrónicos assassinos apenas com o líquido, apenas para um deles matar a sua própria filha Elizabeth Afton, que é diferente de Vanessa. Nessa altura, Afton chegou a um estágio em que começou a gostar de assassinar. Ele concebeu animatrónicos com líquido dos endoesqueletos para matar mais crianças. Embora haja a perspetiva de obter mais líquido de mais vítimas, há várias instâncias na série de jogos em que Afton mata as suas vítimas com um sorriso no rosto, o que mostra o quanto ele aprecia brutalmente o ato de matar.

Glitchtrap, que possivelmente é outra variante do Spring Bonnie de Afton, também conhecido como Coelho Amarelo, dança alegremente após matar uma vítima. Afton, de forma desumana, enfia as suas vítimas dentro de fatos robóticos, o que torna evidente que ele eventualmente torna-se num assassino a sangue frio e calculista que pode matar apenas pelo prazer de matar. Esta característica é visível também na adaptação cinematográfica. Quando Vanessa se coloca contra Afton para impedir este último de assassinar Mike e Abby, o assassino em série não hesita em esfaquear a sua filha. Nessa altura, ele perdeu os sentidos para diferenciar a sua filha das suas potenciais vítimas, o que leva Vanessa a entrar em coma.

Afton tenta matar Mike e Abby apenas para desfrutar do ato de matar. Os seus impulsos homicidas separaram-se dos motivos e razões, o que o leva a matar pessoas apenas pelo prazer de ver vidas serem eliminadas diante dos seus olhos.