-

Netflix adquire o filme 'Hit Man' por 20 milhões de dólares de Richard Linklater e Glen Powell

Diogo Fernandes, 17 de fevereiro de 2024 10:32
Netflix adquire o filme 'Hit Man' por 20 milhões de dólares de Richard Linklater e Glen Powell

O filme, que teve uma receção entusiástica no Festival de Cinema de Veneza e no Festival de Cinema de Toronto, tem sido uma das poucas vendas notáveis no circuito dos festivais de outono deste ano.

A Netflix também adquiriu a estreia na realização de Anna Kendrick, "Woman of the Hour", no TIFF, por $11 milhões, enquanto a A24 assegurou "Sing Sing", liderado por Colman Domingo. No entanto, têm sido lentos a concretizar-se negócios para outros filmes no mercado, como "Poolman" com Chris Pine ou "The Dead Don’t Hurt" com Viggo Mortensen.

"Hit Man" segue Powell como Gary Johnson, um professor a tempo parcial que trabalha secretamente como um misterioso assassino contratado. Mas há um problema ao contratá-lo para eliminar cônjuges infiéis ou patrões abusivos - ele está a trabalhar para a polícia.Quando ele quebra o protocolo para ajudar uma mulher desesperada (Adria Arjona, conhecida por "Morbius" e "6 Underground") que tenta fugir de um marido abusivo, ele acaba por tornar-se numa das suas falsas identidades, apaixonando-se pela mulher e flertando com a transformação num criminoso.

O filme reúne Linklater e Powell, que trabalharam juntos em "Everybody Wants Some!!" e no drama de animação de ficção científica da Netflix, "Apollo 10 1/2". Além de realizar, Linklater adaptou o argumento com Powell a partir de um artigo da Texas Monthly escrito por Skip Hollandsworth.

"Hit Man" tem sido bem recebido pela crítica, com Owen Gleiberman, da Variety, a descrever o filme como "um verdadeiro screwball noir romântico filosófico sobre o agente infiltrado mais improvável do mundo". Elogiou a performance de Powell, dizendo que ele tem "um estilo de protagonista peculiar" e "parece uma mistura de Guy Pearce e Ryan Gosling, com um sorriso ligeiramente tolo que irradia a mais pura sinceridade".

Os produtores do filme são Mike Blizzard, Linklater, Powell, Jason Bateman e Michael Costigan.