Publicidade

Novas vozes de "Rick & Morty" não serão feitas por imitadores, garante Adult Swim

Tiago Silva, 15 de junho de 2023 07:17

Em Janeiro, o canal Adult Swim anunciou que o co-criador e argumentista Justin Roiland foi afastado da popular série animada Rick and Morty.

Isto aconteceu depois de Roiland ter sido constituído arguido no seguimento de uma queixa de violência doméstica realizada em 2020. Visto que Roiland era o responsável por dar voz a inúmeras personagens na série, incluindo a dos protagonistas Rick e Morty, a estação televisiva encontra-se agora à procura de nomes para substituir os papéis do produtor.

O seu parceiro, Dan Harmon, seguirá como o único creditado como criador.

Agora, em entrevista com o site francês Premiere, Michael Ouweleen e Steve Levy, o presidente do canal e o produtor executivo de Rick & Morty, respetivamente, foram questionados sobre o futuro da animação.

Ouweleen começou por confirmar que a sétima temporada irá estrear ainda neste ano de 2023: "Tentamos manter mais ou menos as mesmas datas todos os anos."

Sobre os novos atores que irão substituir Roiland, o executivo disse: "Não serão imitadores [a fazer as vozes]... De qualquer forma, a ideia é que tenhamos a sensação que são os mesmos personagens. As vozes obviamente são muito importantes numa série animada. E, é claro que nenhum de nós quer voltar a passar pelo que passamos. Mas estou na animação há muito tempo e sei que o que faz uma série são as diferentes partes unidas. Se as vozes são obviamente uma parte importante, há também a escrita, o design, etc. Tenho motivos para acreditar que a transição será tranquila". Michael Ouweleen ainda revelou que "é possível" que alguém que não esteja ciente da saída de Roiland nem sequer irá perceber que são novos atores nas vozes.

Levy anunciou que a oitava temporada já foi completamente escrita, "e conseguimos desenhar uma boa parte da nona temporada antes da greve dos argumentistas. Então já estamos a falar sobre a décima temporada!", contou.

Por fim, o entrevistador ainda fez uma questão relacionada com o eventual fim de Rick & Morty, ao que Steve Levy disse:

"Poderíamos continuar para sempre. A série é um veículo para grandes ideias de ficção científica, que existem há muito tempo em outros lugares. Obviamente, não inventamos o multiverso, mas tornamos o conceito conhecido para um público que não conhecia. Somos inspirados pela grande ficção científica e ainda há um milhão de ideias a serem exploradas. E mesmo que o multiverso esteja a ser usado absolutamente em todos os lugares - ao ponto de se tornar cansativo - estamos prontos para nos reinventar. É um desafio interessante. O que poderíamos fazer depois do multiverso? Muito mais, vocês verão nas próximas temporadas. Queremos originalidade. Queremos ultrapassar os limites.", finalizou.

Orientado para o público adulto, a história de Rick & Morty acompanha Rick, um velho mentalmente desequilibrado mas cientificamente dotado, que recentemente, recuperou a ligação com a sua família. Passa a maior parte do tempo a envolver o seu jovem neto Morty em aventuras perigosas e bizarras pelo espaço e em universos alternativos. Tudo isto, combinado com a vida familiar instável, provoca grandes problemas a Morty, em casa e na escola.

Em Portugal, as seis primeiras temporadas de Rick & Morty estão disponíveis na HBO Max.