Reboot da saga "007: James Bond" ainda não está em desenvolvimento, revela produtora

Tiago Silva, 23 de outubro de 2023 06:30
Reboot da saga "007: James Bond" ainda não está em desenvolvimento, revela produtora

Já passaram dois anos desde que o ator Daniel Craig pendurou a pistola e o terno do Agente James Bond após o lançamento de 007: Sem Tempo para Morrer. Emboras os fãs do personagem já estejam desejosos para saber quem será o próximo 007, ainda terão uma longa espera até um reboot da saga chegar aos cinemas.

Numa recente entrevista com o The Guardian, a produtora Barbara Broccoli afirmou que há "um longo caminho pela frente" antes do personagem ser "reinventado para o próximo capítulo" e que os executivos ainda "nem sequer começaram" o processo de modernizar a franquia.

Broccoli acrescentou que o novo filme terá de refletir a forma como o mundo mudou nas duas décadas desde que Craig foi confirmado como o sexto 007 em Casino Royale (2006) e ainda destacou que o James Bond tem sido frequentemente reinventado com todas as versões.

"Volto ao «GoldenEye» quando todos diziam 'a Guerra Fria acabou, o muro acabou, Bond está morto, não há necessidade de o Bond existir, o mundo inteiro está em paz e agora não há vilões' - e estavam completamente errados!", disse a produtora, afirmando que a modernização é necessária sempre que um novo ator assume o papel.

Com Craig, os produtores "quiseram focar no que um herói do século XXI pareceria. O Daniel deu-nos a capacidade de explorar a vida emocional do personagem... e também o mundo estava pronto para isso. Acho que estes filmes refletem a época em que estão, e há um grande, grande caminho pela frente para reinventá-lo para a próxima geração e ainda nem começámos a trabalhar nisso."

Broccoli também comentou o novo reality-show da Amazon Prime Video com temática de Bond, 007: Road to a Million, na qual ela descreveu como "uma coisa divertida a fazer entretanto" e que, esperançosamente, ajudará a saciar a fome dos fãs pela famosa franquia.

Broccoli e o seu meio-irmão, Michael G. Wilson, estiveram envolvidos na seleção para o programa que apresenta nove pares de pessoas comuns a enfrentar desafios físicos e psicológicos em locais relacionados com o James Bond para ganhar 1 milhão de libras. Esta série é a primeira vez que a marca 007 é permitida de ser usada na televisão "sem guião" e ainda inclui a música tema dos filmes, cenários épicos e imagens.

Quando questionada se existe a possibilidade de existirem outros spin-offs televisivos ligados ao James Bond, ela disse: "Estamos concentrados em fazer filmes de longa-metragem. Quando começamos um filme do Bond, isso requer toda a nossa atenção durante três ou quatro anos, isso é a nossa concentração. Fazemos os filmes para o grande ecrã de cinema e tudo sobre os filmes de Bond é para que as audiências vejam em todo o mundo nesse formato, por isso nunca quisemos fazer nada na televisão."


Não te esqueças de deixares um gosto nas nossas páginas das redes sociais e ficar a par de todas as novidades em primeira mão. Estamos presentes no Facebook , Instagram , e ainda no Google Notícias.



Escolha uma plataforma de Streaming e encontra as estreias, lançamentos e notícias: