Publicidade

Remake de 'Salem's Lot' da Warner Bros. vai estrear na Max em vez dos Cinemas

Diogo Fernandes, 1 de novembro de 2023 12:37
Remake de 'Salem's Lot' da Warner Bros. vai estrear na Max em vez dos Cinemas

O estúdio está a tentar desfazer-se do seu filme de terror Salem's Lot (A Purificação de Salém) para a Max (HBO Max na Europa). A Warner Bros. desenvolveu-o para um lançamento nos cinemas, mas após estar na prateleira durante cerca de um ano, a adaptação de Stephen King realizada por Gary Dauberman está prestes a estrear na plataforma de streaming da Warner Bros. Discovery.

Uma fonte com conhecimento das negociações diz que a mudança não é um reflexo da qualidade do filme, mas sim devido ao facto da greve em curso da SAG-AFTRA ter criado uma crescente necessidade de conteúdo para a Max. Salem's Lot é um dos poucos filmes da Warner Bros. considerados para a transição. Mas um porta-voz da Warner Bros. disse: "Ainda não foi tomada nenhuma decisão sobre os planos futuros de distribuição do filme".

Salem's Lot, que foi filmado em Massachusetts em 2021, estava previsto para ser lançado em setembro de 2022, com o mês a revelar-se um corredor de sucesso para filmes de terror pré-Halloween do estúdio. Mas a Warner adiou o filme para a primavera de 2023, citando atrasos na pós-produção relacionados com a COVID. No início deste mês, "Salem's Lot" saiu silenciosamente do calendário, levantando especulações de que seria um prejuízo fiscal da Warner Bros. Discovery, à semelhança de Batgirl do ano passado.

Com a participação de Lewis Pullman, de Top Gun: Maverick, o elenco do filme também inclui Makenzie Leigh, Bill Camp, Pilou Asbaek, Alfre Woodard e William Sadler. Dauberman, que começou a desenvolver o projeto em 2019, também escreveu o argumento. James Wan é produtor do novo Salem's Lot através da sua Atomic Monster, a empresa por trás de vários sucessos de terror da Warner Bros. da saga de filmes de The Conjuring.

Tal como na minissérie original de duas partes da CBS de 1979, a história segue um escritor que regressa à sua cidade natal, a fictícia Jerusalem's Lot, para descobrir que tem de lutar contra vampiros. O livro também foi adaptado em 2004 pela TNT numa série nomeada para os Emmy, protagonizada por Rob Lowe.

No passado, os romances de King impulsionaram a Warner Bros. nas bilheteiras, especialmente com a adaptação de baixo orçamento de Andy Muschietti de It, que arrecadou 704 milhões de dólares em todo o mundo em 2017.